Promo de passagens pra África do Sul: R$1.458 com a SAA

A South African Airways (SAA) anunciou uma oferta de passagens ideal para quem pretende viajar para a África do Sul até o fim de junho. Ela é válida para voos entre São Paulo (Guarulhos) e o aeroporto OR Tambo de Joanesburgo.

SAA entrou de vez na briga de preços de passagens para a África do Sul

A chegada de “Guerra Infinita” aos cinemas é notícia em tudo que é lugar. No entanto, outro confronto vem se destacando neste final de abril. É a batalha de tarifas das três companhias aéreas que ligam o Brasil à África do Sul. Nesta sexta-feira, SAA, Taag e Latam anunciaram ofertas, mas é a primeira que mais me chamou a atenção.

Depois das recentes tarifas promocionais para classe executiva, a antes comedida empresa sul-africana chegou com um preço convidativo para o trecho São Paulo(GRU)-Joanesburgo. Ela disponibilizou passagens da classe econômica a US$ 420 (ida e volta), valor equivalente a R$ 1.458, de acordo com a cotação de 27 de abril. As taxas não estão incluídas. A promo é válida até 1º de maio de 2018 (terça-feira).

Segundo a SAA, o período de embarque é válido até 30 de junho de 2018. Mais um motivo para você correr, caso esteja interessado(a) em comprar a sua passagem. Ainda de acordo com a companhia aérea, a tarifa promocional pode ser combinada com outros trechos, dependendo da disponibilidade de lugares na classe de reserva.

Crédito das fotos: South African Airways/Divulgação

Como comprar

As passagens com tarifas promocionais podem ser compradas pelo site da South African Airways e sua central de reservas (11-3065-5115), além das agências de viagens.

Taag e Latam

O Melhores Destinos encontrou preços reduzidos na Latam e na Taag. Pela empresa brasileira, é possível achar voos entre São Paulo e Joanesburgo a partir de R$ 1.632, ida e volta, taxas incluídas.

Já a angolana oferece passagens para a Cidade do Cabo, partindo de Guarulhos ou Rio de Janeiro (Galeão), a partir de R$ 1.999, com taxas inclusas. A diferença para as outras duas companhias aéreas é que esta faz conexão em Luanda.

Voo São Paulo-Joanesburgo

Apenas SAA e Latam operam voos diretos entre o Brasil e a África do Sul, sempre Guarulhos-Joanesburgo. A diferença está na frequência: só a companhia sul-africana realiza a viagem diariamente.

Em dezembro de 2016, a South African passou a operar a rota JNB-GRU com os aviões A330-300. Para saber como foi a minha experiência nessa aeronave em maio de 2017, veja o post sobre o assunto.

Chegando em Joanesburgo

Cidade mais visitada da África, Joanesburgo é considerada o “hub do hemisfério sul”. Dali, partem conexões para o resto do continente, além de Ásia e Austrália.

Ao chegar na Imigração, os brasileiros devem seguir para a área mais à direita, a de países dos quais não é exigido o visto. Por sinal, sempre procuro andar rápido para chegar logo àquele pedaço. A questão é que, com o grande número de aeronaves aterrissando (hub do hemisfério…), a fila pode aumentar rapidamente. Portanto, tenha paciência, o negócio ali pode demorar mesmo.

Para quem vai fazer uma conexão doméstica, uma forma de ganhar tempo é aproveitar o recheck-in antes de sair para o saguão. Além de despachar a bagagem, ali você pode ser encaixado em outro voo – caso perca o original. O balcão da empresa fica exatamente antes da porta automática, no lado esquerdo, em frente às casas de câmbio. É o primeiro que você vê. Fácil de achar.

Veja mais detalhes no post sobre a chegada ao aeroporto OR Tambo de Joanesburgo.

Documentação

Brasileiros não precisam de visto de entrada caso fiquem na África do Sul por até 90 dias. Tudo que você precisa para entrar no país é um passaporte e o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) contra a febre amarela.

PASSAPORTE: Ele precisa ter DUAS páginas em branco e validade de 30 dias a contar da data de retorno.

CIVP: O documento é emitido pela Anvisa e a vacina deve ser tomada pelo menos DEZ DIAS antes da viagem. Veja os locais nos quais ele é emitido.

De acordo com a Anvisa, o CIVP só será emitido para quem tomar a dose inteira da vacina da febre amarela (0,5 ml).

Veja também:

Chegando no aeroporto de Joanesburgo

Voando com a SAA para a África do Sul

A África do Sul para iniciantes: Dicas básicas de viagem

Dicas da África do Sul: Comprando chip e internet móvel

Quer mostrar o post pra alguém? Compartilhe!

Um comentário

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.